Em 2018 já foram encerrados 56 Lares de idosos ilegais em Portugal


28/08/2018 Facebook Twitter LinkedIn Google+ Noticias


O flagelo da proliferação de lares de Idosos ilegais continua em Portugal e a provar isso está o encerramento de 56 lares até Julho de 2018.

Destes números 6 foram fechados com carácter de urgência por representarem perigo para os seus residentes.

O que acontece quando um lar é inspecionado pela Segurança social?

Se for detectado alguma irregularidade pode acontecer duas coisas , o espaço é encerrado com carácter urgente se existir perigo para os residentes ou então o lar notificado para encerrar voluntariamente em 30 dias ou que pode até representar maior número do que o avançado até esta data .

Ao todo foram efetuadas 297 fiscalizações até Julho ditando que o maior numero de lares ilegais foram detectados no concelho de Gondomar, Vila Nova de Gaia, Maia,Porto e Murtosa

O que levou ao encerramento destes lares?

As causas para o encerramento estão entre outras a:
A falta de instalações adequadas e de Licenciamento;
A falta de funcionários;
Prestação de serviços que colocavam em risco os utentes;

Mas a existência de lares ilegais levanta outras questões, por exemplo o porque de isso acontecer.

De acordo com as associações que representam o sector o processo de licenciamento dos lares de idosos em Portugal é morosa e pouco ajustada à realidade do pais.

Esta situação leva por um lado que os lares licenciados com muitos encargos para garantirem a sua legalidade aumentem as mensalidades do lares.
Com esta realidade as pessoas sem capacidade monetária acabam por procurar estes lares

Comentários / Feddback deste Lar